Categoria MKT Digital

Marketing Digital para profissionais liberais

O Marketing digital para os profissionais liberais funciona?

Se você é profissional liberal e precisa atrair novos clientes, saiba que o marketing digital é, com certeza, uma das mais eficientes formas de divulgação dos seus serviços.

Seja um médico, dentista, coach, esteticista, arquiteto, engenheiro, enfim, qualquer tipo de ramo de atividade, pode ser muito bem comunicada e divulgada por meio da internet.

E é disso que o marketing digital trata, utilizar as técnicas de comunicação e marketing adaptadas para o âmbito da internet.

Realizar campanhas de vendas pela internet pode ser algo um tanto quanto trabalhoso, porém muito eficaz para trazer resultados realmente significativos.

Um exemplo prático que pode ser citado, é o dos coaches que precisam atrair coachees para lotar sua agenda de atendimentos.

Nesse caso, o que pode ser feito é uma campanha utilizando compra de tráfego pelo Facebook, que em outras palavras significa anunciar um determinado conteúdo para o seu público alvo e direcioná-lo para uma página do seu site.

O intuito é que esse público tenha uma tomada de ação, que pode ser, por exemplo,  baixar um e-book mediante informar seu e-mail, ou agendar uma visita,  e até mesmo comprar diretamente um produto ou serviço.

No caso do seu público deixar o contato para receber um conteúdo, o intuito é formar uma lista de e-mails, para o qual poderá posteriormente enviar outros conteúdos relacionados ao assunto de interesse e futuramente apresentar uma oferta.

No caso de uma campanha pela internet os passos são mais complexos do que isso, e envolvem mais conteúdos, ofertas e copys específicas.

As copys são peças de conteúdo com algo poder de persuasão. Tratam-se de textos com técnicas publicitárias e gatilhos mentais capazes de fazer com o que os leitores tomem uma ação imediata.

Geralmente as copys envolvem uma carta de vendas que contém uma peça de conteúdo, uma promessa e solução, uma oferta e uma chamada para a ação.

Uma campanha de vendas começa com  a definição exata do seu público-alvo, por meio de uma segmentação detalhada.

Depois é elaborada uma oferta de produto ideal para atender a esse público.

Em seguida é montada a copy: com o texto, publicação da página na internet e integração com sistemas de automação de marketing.

E só após a finalização desses passos é realizada a criação do anúncio, publicação e acompanhamento.

O exemplo do coach pode servir para quaisquer segmentos e quaisquer ramos de atuação de profissionais liberais.

Até mesmo áreas como Direito, Medicina e Psicologia que possuem regras rígidas quanto à divulgação e publicidade, pode utilizar o Marketing Digital, desde que sigam as recomendações do Conselho de Ética da  respectiva categoria.

Portanto, um psicólogo, médico, dentista ou advogado, podem usufruir dos benefícios do marketing digital.

 

A Internet coloca no mesmo patamar grandes e pequenas empresas

Recentemente foi divulgada uma matéria muito interessante sobre a forma como a Internet e o mundo virtual igualam as empresas.

Com a Internet, tanto as grandes organizações empresariais quanto as pequenas empresas ficaram muito parecidas quando o assunto é atrair o cliente.

De acordo com Marcelo Sinelli, consultor em Marketing do SEBRAE SP, “a diferença não é o poder econômico de marketing, mas a agilidade, criatividade e capacidade de conexão com o público-alvo”. Prova disso, são os investimentos em marketing digital que aumentam a cada ano, em relação às verbas utilizadas nos canais de marketing tradicional.

Na minha opinião, não seria exagero afirmar que hoje em dia o Google Adwords se tornou a maior agência de publicidade do mundo. Vemos desde de micro empresas até marcas conhecidas anunciando no Google, compartilhando o mesmo espaço publicitário. Este negócio cresceu tanto que não é mais chamado de Link Patrocinado, mas sim de “Anúncios Google”.

A matéria cita ainda as redes sociais como forte ferramenta de publicidade e propaganda apontando o Facebook como a rede de maior crescimento, cerca de 300% no ano passado, colocando o Brasil em 4º lucar no mundo em número de usuários ativos, segundo pesquisa do IDG Now. Outras redes e canais de comunicação online também foram lembradas, como o Twitter, Foursquare, Linkedin e Youtube.

Para Sinelli, do Sebrae, estes meios de comunicação podem representar uma porta de entrada para quem quer uma publicidade praticamente gratuita e com grande efeito viral. E ainda afirma que as empresas precisam ficar atentas à agilidade de atendimento. “É um ótimo canal de comunicação, mas é preciso dispor diariamente de um tempo para responder aos usuários e ter o que chamamos no marketing de good will, ou boa vontade, que cria uma imagem de receptividade da empresa às críticas e sugestões.”

Para os profissionais de marketing o mundo digital é um mar de oportunidades, o desafio é saber como tirar o melhor proveito dele.

Por Priscila Falchi

Fonte: tôsabendo.com

 

 

O mercado precisa estar preparado para o Marketing Digital

Marketing Digital  – Por Priscila Soares Falchi

Redes Sociais

Redes Sociais

Se fizermos uma retrospectiva sobre a evolução da internet, veremos que primeiro veio e-mail, depois a necessidade de das empresas possuírem websites institucionais.

Em seguida vieram os portais dinâmicos para a interação do usuário e geração de conteúdos colaborativos que fizeram com que a voz do cliente passasse a ser ouvida.

Enquanto o mercado ainda estava se voltando para as mudanças nas mídias online, explodiu a revolução das redes sociais.

Hoje com a mobilidade e a facilidade de acesso à Internet, surgem novas ferramentas a cada dia.

A velocidade com que essas mudanças acontecem levam a maioria das empresas a sentirem-se quase impotentes diante da dificuldade de acompanhar o ritmo do seu público alvo e se adaptarem a esta evolução.

Grande parte dos profissionais de marketing com os quais nos relacionamos relatam não estarem preparados para traçar estratégias de Marketing Digital.

As empresas hoje precisam estar atentas à importância do Marketing Digital e assimilar a mudança de cultura do mercado impulsionada pela Internet. Seus clientes estão lá, assim como os seus concorrentes.

A razão pela qual o marketing na internet é tão poderoso é que há uma infinidade de canais de comunicação disponíveis para uso, sendo a maioria gratuita.

Entre estes canais estão as redes sociais, os portais próprios, as campanhas de e-mail, os resultados de pesquisa nos sites de buscas (orgânicos e pagos- Adwords), geração de conteúdos em microblogs como o Twitter, blogs, lojas on-line , motores de meta e desenvolvimento de aplicações, entre outros.

O primeiro passo para traçar uma estratégia de Marketing Digital é conhecer os canais disponíveis e analisar quais os mais adequados ao que se deseja comunicar. Depois devem ser determinados os mais utilizados pelos seus clientes e prospects. Por fim, saber quais os mais utilizados pelos seus concorrentes.

Com relação à concorrência, você não pode querer começar um novo blog, se um concorrente já criou um com sucesso ou não querer usar o Twitter ou o Facebook se menos de 1% tem o hábito de utilizá-los.

Uma vez escolhidos os meios a serem utilizados é muito importante determinar pelo menos um recurso na equipe dedicado ao acompanhamento, geração de conteúdo e relacionamento full time com os usuários.

Não adianta iniciar ações de Marketing Digital se não houver dedicação, métricas e análise de resultados.

Hoje as empresas que já desenvolvem estratégias de relacionamento on-line chegam a investir cerca de 10% de seu budget de Marketing nessas ações.

Os desafios do marketing na internet

Por Priscila Soares Falchi

Empresas enfrentam muitos desafios quando se trata de marketing digital.

Com a velocidade das mudanças na WEB vemos a cada dia surgir uma quantidade enorme de fornecedores de serviços de marketing on-line, novas ferramentas, aplicativos e plataformas. Com isso fica muito difícil para as empresas traçarem estratégias que acompanhem esta evolução. Ler mais